quarta-feira, 30 de março de 2011

Última do BBB-11: De humilhada a vencedora - Maria é a grande campeã do BBB 11


FAMOSIDADES
A décima primeira final do “Big Brother Brasil” não poderia ser diferente. Finalmente, depois de 79 dias de festas, provas, brigas, fofocas, risadas e muita emoção, o público pôde conhecer a mais nova milionária do país. A sister que foi desprezada por um homem durante o confinamento também foi a protegida dos telespectadores. Maria é a grande vencedora desta edição!

Dos quase 52 milhões de votos contabilizados, a paulista faturou o prêmio de R$ 1,5 milhão com 43% dos votos. A votação foi menos apertada do que o esperado. Em segundo lugar ficou Wesley com 31% dos votos (e R$ 150 mil no bolso), e Daniel garantiu a terceira colocação com 26% (e R$ 50 mil).

A passagem de Maria pelo reality ficará marcada. Não apenas por sua beleza, mas por sua ousadia. Uma sister que entrou sem estratégia, se entregou ao amor, se humilhou por um homem, encantou outro, se apaixonou novamente... Tantas coisas que só Maria foi capaz de sentir neste programa. Vale lembrar também que Maria veio para finalizar o trabalho que Priscilla, do "BBB 9", começou. Aliás, até no discurso final de Pedro Bial ele citou a dificuldade de uma mulher  - ainda mais uma dona de curvas incríveis - vencer o reality.

"Reza a lenda que as mulheres decidem o programa, mas não ganham nunca. Até que chega uma mulher, uma linda mulher, que atrai os homens e intriga os homens. Uma mulher que esfrega na cara das mulheres tudo que elas mais detestam, o que elas já foram. Vem, então, essa boneca de pano com esse sorriso – ou feitiço? Com esse sorriso e com lágrimas. Ela não apenas sorriu e chorou. A propósito, quem é burro mesmo...?", questionou Bial. Finalizando um texto de Guimarães Rosa, o apresentador anunciou: "A ela, a única Maria do mundo”.
Reprodução/TV Globo
Já na passarela da eliminação - no seu caso, da vitória - Maria arriscou falar para Bial o motivo de ter conquistado o primeiro lugar. "Acho que foi porque eu 'mariei' demais", disse, arrancando risadas de todos.
Logo no início do jogo, a atriz engatou um romance com Mau Mau. Não era um casal carismático, mas até que protagonizaram cenas meigas. Porém, com a eliminação do brother, Maria se viu sozinha nomevamente no reality. Aliás, até a entrada de Wesley, o "doutor" que encantou a sister. Com medo do que pensariam fora da casa, a moça resistiu as investidas do novo morador, que só arrancou alguns selinhos dela.

E parecia até coisa do destino. Com uma nova jogada do diretor do programa, Mauricio voltou ao reality e Maria viu ali a chance de reatar o namoro com o carioca. A partir daí, Wesley já era página virada na vida da atriz, que só tinha olhos para o eliminado ressuscitado. Porém Mau Mau, que ouviu algumas histórias sobre a sister fora da casa, entrou decidido a não ficar mais com ela.

Foi aí que Maria ficou descontrolada e fez de tudo para reconquistar o rapaz. O resultado foi muita humilhação e investidas frustradas. Nada a fazia mudar de ideia, nem mesmo seus amigos. Mas um livro fez a moça mudar o comportamento e, com a ajuda de Diana, a paulista resolveu dar valor a quem realmente gostava dela. Quem se deu bem nessa foi Wesley, que mesmo tendo visto todas as tentativas da moça de atrair Mau Mau, deu uma chance ao amor.

Depois que os dois ficaram, Maria parecia até outra mulher. Bem resolvida e cheia de atitude, a sister mostrou superação. E foi disso que o público precisava para escolher uma favorita. Uma pessoa que sofre como todo mundo, que se humilha como os apaixonados e que dá a volta por cima quando é preciso. 
E foi bom mesmo faturar o prêmio, pois durante o confinamento a sister só faturou uma viagem para Los Angeles, nos Estados Unidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário