terça-feira, 26 de abril de 2011

Cinema In Rio: O filme "Rio" lidera bilhteria nos EUA

As estreias medianas do fim de semana não foram suficientes para tirar a liderança da animação Rio nos EUA. O longa-metragem do brasileiro Carlos Saldanha caiu 31% em relação à semana de estreia e arrecadou US$ 26,8 milhões em 3.842 salas, uma média de US$ 7 mil por sala. Com isso, está quase encostando no seu custo de produção, de US$ 90 milhões. 

Rio conta a história de uma arara azul que deixa o conforto de sua gaiola, no interior do Estado do Minnesota, e vai parar no Rio de Janeiro, onde deveria preservar sua espécie, mas acaba se envolvendo em confusões pelos morros, praia e até mesmo o sambódromo carioca. A animação já está em cartaz também no Brasil. Leia a crítica e veja mais na página Especial Rio.

Em segundo lugar está o estreante Madea's Big Happy Family, provando que o ator e diretor Tyler Perry vai muito melhor de bilheteria quando retorna à velha Madea do que quando aposta em dramas, como For Colored Girls, do ano passado. Embora esteja em cartaz em 2.288 salas, Big Happy Family conseguiu encostar em Rio, com uma renda de US$ 25,7 milhões e uma ótima média de US$ 11 mil por sala.

Na trama do quarto filme da franquia que tornou Perry milionário, a desbocada Madea (Perry) ajuda sua sobrinha (Loretta Devine), que está com problemas de saúde, a juntar os filhos dela, para que todos saibam juntos da notícia. Madea's Big Happy Family, assim como os filmes recentes do diretor, que têm forte apelo junto à comunidade negra nos EUA, não tem previsão de lançamento no Brasil.

Outra estreia do fim de semana, Água para Elefantes (Water for Elephants), adaptação do romance de Sara Gruen que Francis Lawrence dirige, ficou com o terceiro lugar. Em cartaz em 2.817 salas, fez US$ 17,5 milhões no total, média de US$ 6,2 mil dólares por sala. Como esperado, o público do filme é majoritariamente de mulheres adultas. 70% do público é feminino e, desses, 70% tem mais de 25 anos.

O filme se passa durante a Grande Depressão, quando um triângulo amoroso envolve um jovem estudante de veterinária (Robert Pattinson), que se junta a um circo itinerante, a principal estrela do circo (Reese Witherspoon) e o marido dela, dono do picadeiro (Christoph Waltz). Assista ao trailer e veja oito cenas. Água para Elefantes estreia em 29 de abril no Brasil.

Embora esteja na quarta posição, Hop - Rebelde Sem Páscoa não perdeu fôlego. Na verdade, ainda está galgando salas e, em porcentagem, cresceu 16,3 em relação à semana anterior. Com os US$ 12,4 milhões ganhos neste fim de semana, o filme ultrapassa a barreira dos US$ 100 milhões nos EUA, em um mês em cartaz.

Na história, um coelhinho que quer ser roqueiro sofre pressão para se manter no ramo de negócios da família, a Páscoa. Quando decide fugir de casa, ele tromba com Fred (James Marsden), um desempregado que o acolhe - a contragosto - na casa de que está tomando conta. No especial Hop do Omelete você encontra crítica e entrevistas com o elenco.

Fechando o top 5 - caindo três posições e cerca de 61% - está Pânico 4. É possível que a Dimension empate o custo de produção do filme, de US$ 40 milhões, mas os números ainda assim não empolgam: US$ 7,1 milhões em 3.314 salas, média de US$ 2,1 mil por sala, renda total de US$ 31 milhões.

Em Pânico 4 (Scream 4), Sidney (Neve Campbell) retorna a Woodsboro para promover um livro de auto-ajuda, e sua volta coincide com o aparecimento de um novo Ghostface. Leia crítica, entrevistas e veja vídeos no Especial Pânico. 

Confira abaixo o ranking dos 10 mais rentáveis do fim de semana (valores em milhões de dólares) nos EUA:
Posição
Filme
Bilheteria
22-24/4
Bilheteria Total
Custo
1 Rio $26,80 $81,26 $90
2 Madea's Big Happy Family $25,75 $25,75 -
3 Água para Elefantes $17,50 $17,50 $38
4 Hop - Rebelde Sem Páscoa $12,46 $100,50 $63
5 Pânico 4
(Scream 4)
$7,15 $31,15 $40
6 African Cats $6,40 $6,40 -
7 Soul Surfer $5,60 $28,66 $18
8 Sobrenatural (Insidious) $5,38 $44,17 $1,5
9 Hanna $5,27 $31,71 $30
10 Contra o Tempo (Source Code) $5,06 $44,66 $32

Nenhum comentário:

Postar um comentário